Pular para o conteúdo
Início do conteúdo

Campus Alvorada

Fachada do Campus Alvorada
 

A construção do Campus Alvorada teve origem a partir de diálogos na busca de consenso sobre os eixos tecnológicos norteadores da nova instituição que nascia, com realização de audiências públicas a respeito dos cursos que viriam a ser ofertados no campus.

Em 2012 foi criado um Grupo de Trabalho (GT) que incluía representantes dos empresários, dos trabalhadores, dos estudantes, dos poderes executivo e legislativo do município, por membros do governo do estado do Rio Grande do Sul e por servidores do IFRS com o objetivo de definir um calendário para as audiências públicas.

A partir destas audiências foram definidos os eixos principais de atuação do campus: áreas de Ambiente e Saúde, Produção Cultural e Design e Desenvolvimento Educacional e Social. Passou a desenvolver suas atividades sem sede própria no segundo semestre de 2016.

IFRS. Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) do IFRS – 2019-2023.

IFRS. Histórico do Campus Alvorada

Fim do conteúdo